Em Devocionais

A semente é a palavra de Deus


Seus discípulos perguntaram-lhe o que significava aquela parábola. Ele disse: "A vocês foi dado o conhecimento dos mistérios do Reino de Deus, mas aos outros falo por parábolas, para que 'vendo, não vejam; e ouvindo não entendam' [Is 6:9]. Este é o significado da parábola: a semente é a palavra de Deus. (Lucas 8:9-11)

No tempo de Seu ministério aqui na Terra, Jesus se preocupava bastante em pregar as boas novas do Reino de Deus. Nesse trecho muito conhecido que é a "Parábola do Semeador" [Mt 13:1-23; Mc 4:1-20 e Lc 8:1-15], o nosso Mestre nos ensina coisas importantes sobre plantar a semente independente do solo em que essa semente vai cair.

Como a profecia que se encontra em Isaías 6 (aconselho você a ler) precisava se cumprir, Jesus explicou aos 12 porque que Ele falava em parábolas com o povo [Mt 13:13-17] e em seguida disse o que significa a parábola do semeador: a semente é a palavra de Deus. Aquelas que caíram pelo caminho são as pessoas que ouvem a mensagem de Deus e não a entendem, e aí o Diabo vem e arranca essa mensagem do coração delas para que elas não creiam. As sementes que caíram no solo cheio de pedras são as pessoas que aceitam a palavra de Deus com alegria quando a ouvem, mas por não ter raíz dura pouco tempo. São pessoas que creem por algum tempo, que aceitam Jesus no momento da emoção mas na hora da dificuldade e perseguição elas desistem. As que caíram entre os espinhos são as pessoas que ouvem a palavra mas os prazeres do mundo, as preocupações terrenas e os desejos por coisas que não são importantes sufocam a palavra e ela se torna infrutífera. Por fim, tem as sementes que caem em bom solo! São os que ouvem, entendem e guardam a palavra no coração. Essas pessoas seguem com perseverança e dão muitos frutos.

O que Jesus quis dizer é o seguinte: a missão de vocês é semear a palavra do meu Pai. é pregar o evangelho por onde vocês estiverem assim como eu estou fazendo. Em nenhum momento de Sua trajetória Jesus obrigava alguém a segui-lo ou a acreditar nele, pelo contrário, Ele apenas anunciava o evangelho da paz e da salvação. Ele dá o direito de escolha e foi bem claro quando disse: "SE alguém QUISER vir após mim, negue a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me" [Mt 16:24]. Eu sei que ficamos tristes quando pregamos para alguém e esse alguém não aceita o amor de Jesus. Também sei que ficamos preocupados com elas, é normal porque queremos que as pessoas sejam salvas e esse também é o desejo do nosso Pai, mas o nosso principal dever é anunciar a palavra. Jesus em nosso lugar não faria ninguém aceitá-lo a força simplesmente porque nada forçado é bom.

O meu e o seu papel é semear a Palavra do Senhor no solo (coração), não importa qual seja esse solo. A semente (a palavra) pode brotar e dar frutos ou não, mas é necessário ter em mente que nossa parte já foi feita. Nós oramos por essas pessoas e anunciamos as boas novas, a parte de convencer fica com o doce Espírito Santo.

Um beijo no coração e até o próximo post. 

Você pode gostar destes:

1 comentários: